Notícias & Novidades

Prevenção e cuidados com os pelos “encravados”

Publicado em 31 de outubro de 2018

Os pelos “encravam” quando em seu processo de crescimento não conseguem ultrapassar a camada mais superficial da pele e causam inflamação no local. É muito comum em quem se depila com lâmina de aço ou cera. Os locais mais comuns são virilha e região de barba – mas podem ocorrer em qualquer local como axilas, glúteos, pernas e região da nuca. Os locais mais abafados e úmidos – como virilha, axila ou áreas com roupas justas e sintéticas – facilitam a proliferação de bactérias, que inflamam o folículo piloso e pioram o quadro.

Para prevenir o problema deve-se tomar alguns cuidados como:

1. Esfoliar a região antes da depilação e semanalmente – para retirar impurezas e células mortas.

2. Optar pelo uso de lâmina de aço, depilar no sentido do pelo, com água morna e espuma apropriada para facilitar o deslizamento da lâmina.

3. Ao usar ceras depilatórias, também depilar no sentido do pelo.

4. Depois, deve-se lavar o local e aplicar creme ou loção calmante e antisséptica.

5. Logo após a depilação, aplicar creme ou loção calmantes e antissépticos na região prescritos pelo dermatologista.

6. Evitar roupas apertadas e com tecidos sintéticos.

7. Evitar permanecer com roupas de banho molhadas por muito tempo.

8. Não esquecer de hidratar a pele após o banho.

9. Evitar manipular a região tentando retirar o pelo “encravado” com os dedos ou pinças

 

Fonte: Veja Abril

Veja Mais